Marque sua consulta
Sistema de agendamento
disponível 24 horas
20
jan
Home blog » Ptose Palpebral: tipos e causas

Ptose Palpebral: tipos e causas

Ptose Palpebral é quando há queda da pálpebra superior e a abertura do olho está menor do que o habitual. Tem causas variadas e pode acometer pessoas de diferentes idades, nos dois ou em um olho só.

A Ptose Palpebral pode ser congênita (desde o nascimento) e é devido a uma má formação do músculo responsável pela elevação das pálpebras. Essa alteração ocorre já na fase embrionária e normalmente não vem associada a nenhuma outra alteração no bebê.
Ptose Palpebral pode também ser adquirida, devido a inúmeros fatores. Os principais são:

Idade: aparece aos poucos como parte do processo normal de envelhecimento.

Traumática: quando ocorre um trauma na região ao redor dos olhos este pode atingir músculo que eleva a pálpebra. Traumas leves mas contínuos (pessoas que coçam muito os olhos ou que fazem uso de lente de contato por muito tempo) também podem ter queda da pálpebra.

Causas neurológicas: algumas doenças neurológicas podem apresentar ptose, seja pela fraqueza da musculatura ou por acometimento dos nervos responsáveis pela abertura da pálpebra.

O tratamento da Ptose Palpebral normalmente é cirúrgico e o tipo de técnica e o momento da cirurgia irá depender da avaliação do especialista.

No Centro Oftalmológico de Minas Gerais contamos com médicos preparados para o tratamento desta condição.