.
Marque sua consulta
Sistema de agendamento
disponível 24 horas

CÓRNEA

O que é Córnea?

A córnea é uma parte das partes mais externas do olho cuja função é focar a luz que passa através da pupila. Junto ao cristalino, ela tem o importante papel de focalizar a luz para que a imagem formada na retina seja nítida. Essa parte do órgão é caracterizada por ser uma camada transparente de aproximadamente 12 mm de diâmetro e possuir vasos sanguíneos apenas nas regiões periféricas, ou seja, nos cantos do olho.

Agendar consulta
Como funciona o diagnóstico?

Doenças da córnea podem ser percebidas pelo próprio paciente com os seguintes sintomas:

  • Vermelhidão no olho.
  • Lacrimejamento excessivo.
  • Dificuldade em manter os olhos abertos.
  • Visão embaçada.
  • Alta sensibilidade à luz (fotofobia).
  • Sensação de areia nos olhos.

Como muitas das doenças possuem os mesmos sintomas, pode ser necessário a realização de diversos exames para obter um diagnóstico preciso. Por isso, a atuação de um oftalmologista especializado é essencial.

As doenças que atingem a córnea podem ser causadas por traumas, inflamações ou infecções. Os problemas também podem surgir devido à predisposição genética do paciente.

Agendar consulta
Como é feito o tratamento?

O tratamento das doenças da córnea é individualizado, considerando o exame físico e os sintomas do paciente. O tratamento clínico consiste em colírios específicos para cada doença ou a adaptação de lentes de contato gelatinosas ou rígidas. Há também procedimentos cirúrgicos, sendo a maioria realizado com laser.

Nossa equipe está apta para oferecer os mais modernos tratamentos cirúrgicos para as doenças corneanas.

Entre eles, temos:

  • Cirurgia Refrativa: realizada para correção do grau
  • Implante de anel intraestromal: indicado para pacientes com alterações na forma da córnea, como no ceratocone. É implantado um ou dois segmentos de anel de PMMA no interior da córnea, com o objetivo de regularizar ou melhorar o seu formato, diminuindo a curvatura corneana e melhorando a visão do paciente.
  • Crosslink: consiste na instilação de uma substância chamada riboflavina e exposição da córnea à radiação ultravioleta. Tal combinação promove o fortalecimento da córnea e paralisa a progressão do ceratocone.
  • PTK: Utiliza-se do laser para remover cicatrizes ou irregularidades que alteram o correto funcionamento da córnea e geram embaçamento visual.
  • Transplante de córnea: podem envolver a espessura total (penetrante) ou parcial (lamelar) da córnea. As indicações podem ser de finalidade: óptica (melhorar a visão), tectônica (manter a estrutura do olho), terapêutica (remover córneas com úlceras de difícil tratamento, por exemplo) e estética (córneas totalmente opacas podem ser trocadas para melhor resultado estético dos pacientes). As indicações mais comuns são aquelas de finalidade óptica, ou seja, córneas com opacidade importante, ceratocone avançado, distrofias no endotélio (última camada da córnea), entre outras doenças, podem ser retiradas e substituídas por córneas saudáveis e transparentes.

Agendar consulta
Quais são as variações da doença?

Causas

As causas para as doenças corneanas podem ser:

  • Genéticas
  • Infecciosas
  • Traumáticas
  • Inflamatórias

Sintomas

Lesões corneanas normalmente são referidas como:

  • Vermelhidão no olho
  • Lacrimejamento
  • Dificuldade em manter os olhos abertos
  • Visão embaçada
  • Alta sensibilidade à luz (chamada de fotofobia)
  • Sensação de corpo estranho

Marcar consulta

Causas

As causas para as doenças corneanas podem ser:

  • Genéticas
  • Infecciosas
  • Traumáticas
  • Inflamatórias

Sintomas

Lesões corneanas normalmente são referidas como:

  • Vermelhidão no olho
  • Lacrimejamento
  • Dificuldade em manter os olhos abertos
  • Visão embaçada
  • Alta sensibilidade à luz (chamada de fotofobia)
  • Sensação de corpo estranho

Marcar consulta

Causas

As causas para as doenças corneanas podem ser:

  • Genéticas
  • Infecciosas
  • Traumáticas
  • Inflamatórias

Sintomas

Lesões corneanas normalmente são referidas como:

  • Vermelhidão no olho
  • Lacrimejamento
  • Dificuldade em manter os olhos abertos
  • Visão embaçada
  • Alta sensibilidade à luz (chamada de fotofobia)
  • Sensação de corpo estranho

Marcar consulta

Causas

As causas para as doenças corneanas podem ser:

  • Genéticas
  • Infecciosas
  • Traumáticas
  • Inflamatórias

Sintomas

Lesões corneanas normalmente são referidas como:

  • Vermelhidão no olho
  • Lacrimejamento
  • Dificuldade em manter os olhos abertos
  • Visão embaçada
  • Alta sensibilidade à luz (chamada de fotofobia)
  • Sensação de corpo estranho

Marcar consulta

Causas

As causas para as doenças corneanas podem ser:

  • Genéticas
  • Infecciosas
  • Traumáticas
  • Inflamatórias

Sintomas

Lesões corneanas normalmente são referidas como:

  • Vermelhidão no olho
  • Lacrimejamento
  • Dificuldade em manter os olhos abertos
  • Visão embaçada
  • Alta sensibilidade à luz (chamada de fotofobia)
  • Sensação de corpo estranho

Marcar consulta