Central de marcação: (31) 4020 5060

História

História

Conheça nossa história

São quase 50 anos de dedicação a saúde ocular de nossos pacientes.

Foto: Fundadores, Diretores e Filhos dos Fundadores do Centro Oftalmológico – Mariana Neto

O Centro Oftalmológico de Minas Gerais foi fundado no dia 6 de dezembro de 1968 por um grupo de 25 médicos. Á frente do empreendimento estavam: Dr. Casimiro Laborne Tavares e o filho Dr. Ângelo Laborne Tavares; os amigos Dr. José Tarcisio de Castro e Dr. Creso Agrícola Barbi.

Naquela década a oftalmologia passava por grandes transformações tanto na pesquisa quanto na área clínica. No país tínhamos restrições políticas e sociais. E mesmo nesse clima de tensão, os empreendedores se uniram, entusiasmados, e criaram a sociedade anônima Centro Oftalmológico de Minas Gerais.

A primeira diretoria foi o Dr. Casimiro Laborne Tavares – Diretor Presidente, Dr. Ângelo Laborne – Diretor Superintendente e Dr. José Tarcísio de Castro – Diretor Administrativo.

Infelizmente, no ano de 1969, após sofrer um acidente Dr. Creso faleceu. Para o seu lugar foi chamado Dr. Paulo Peret, que mais tarde fundaria a especialização médica do hospital – “Instituto de Estudos e Pesquisa Centro Oftalmológico de Minas Gerais”.

Para a sede foi escolhido o endereço da Unidade Lourdes. Era uma casa residencial, que adaptada, passou a ter duas salas cirúrgicas, consultórios, alguns apartamentos, enfermaria e secretaria.

Desde a inauguração, o hospital tem o atendimento de urgência 24hs. E hoje, além dessa referência, o Centro Oftalmológico oferecer a seus pacientes todas as especialidades necessárias para a saúde ocular.

Certificações

Para o Centro Oftalmológico é prioridade zelar pela qualidade do trabalho e serviços prestados. O sistema gerencial escolhido para a melhoria contínua foi a gestão da qualidade através das certificações:

– ISO 9000:2008
– ONA NÍVEL II

Toda organização possui um macroprocesso que mostra a sequência do trabalho desenvolvido, desde suas entradas à saídas para os consumidores finais. A organização possui, também, o POP (procedimento operacional padrão) que descreve cada atividade.

Os processos são monitorados através de indicadores que demonstram dados de eficiência e eficácia. Um ciclo aonde toda organização têm metas, avaliam e junto criam formas de correção. Outros exemplos de ferramentas utilizadas são: planos de ações, matriz de registro, cadeia cliente fornecedor, relatos de não conformidade, pesquisa de satisfação do cliente interno e externo.

OS 45 ANOS DO CENTRO OFTALMOLÓGICO

Em 2013 o Centro Oftalmológico de Minas Gerais completou 45 anos e para homenagear a todos lançou o livro “Nossa Casa, sua Casa”. Escrito pela jornalista Inácia Soares, o livro conta a história do hospital e também traz impressões que originam olhares de vários ângulos.

O livro foi para os homens, mulheres e crianças que confiaram sua saúde nas mãos desse grupo de médicos; os funcionários que se mantiveram fiéis à proposta original dos fundadores colocando a ética e a qualidade em todos os procedimentos e pelos residentes, fornecedores que sempre atendem as demandas do hospital.

A obra foi entregue a todos que fizeram parte da história no evento realizado em dezembro daquele ano. Estiveram presentes fundadores, colaboradores, o Corpo Clínico e os convidados. O registro foi realizado pela fotografa Mariana Neto. Assista ao vídeo de retrospectiva. Conheça mais nossa história.

linha-do-tempo

Nossos princípios são

Missão

Oferecer soluções inovadoras em oftalmologia, com qualidade e resultados

Visão

Ser referência em  oftalmologia, de forma sustentável e rentável, sendo reconhecido pela inovação e satisfação dos clientes

Av. Contorno - n°3979 - Santa Efigênia - BH - MG

(31) 4020 5060

sac@centrooftalmologicomg.com.br

Seg á Sex de 09hrs á 18hrs